Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Campo d'Ourique

por FS, em 29.06.15

A capital do Império é uma cidade linda, sem dúvida. Há algo de mágico, principalmente quando o sol aparece e a faz brilhar ainda mais.

Este fim-de semana redescobri os encantos de uma zona da cidade que aparentemente não envelhece: Campo d'Ourique. Deve ter qualquer coisa de especial este bairro, pois até o terramoto de 1755 poupou esta zona da cidade à catástrofe (daí a expressão "rés vés Campo d'Ourique").

Respira-se vida de bairro no quotidiano de Campo d'Ourique, e de comunidade. E não é só uma determinada elite que habita o bairro. Há pessoas de todas as idades e de vários escalões de IRS a circular pelas ruas. As crianças brincam e correm no agradável Jardim da Parada. Há velhotas a alimentar os pombos. Há gente jovem nos cafés mais trendy e nos mais tradicionais.

image.jpg

 

Há lojas giras e inteligentes nas ruas, e não confinadas ao ar condicionado e iluminação artificial de um qualquer Centro Comercial, e para todas as bolsas. E mais, convivem com a tradicional drogaria e mercearias centenária, todas com cliente que lhes permite sobreviver de uma forma, diria eu, sustentável (a palavra da moda)./p&g

image.jpg

 

t; /p>Há onde comer para todos os gostos, do restaurante do minhoto migrado nos anos 40 à focacceria de um verdadeiro italiano, passando pela tradicional cervejaria (esse estabelecimento tão português) aos bivalves francófonos (se bem que para mim nada bata a criação do Sr Bulhão Pato). E depois há o Mercado de Campo de Ourique, onde cada um pode satisfazer as suas diferentes preferências gastronómicas em conjunto.

image.jpg

 

E logo ali abaixo à um democrático oásis de frescura, que nos permite refugiar do calor da capital, o Jardim da Estrela, saboreando um gelado da vizinha Artisani (que compete fervorosamente na variedade e sabor com a concorrência recém chegada de Cascais, a Santini). E os turistas que nesta altura proliferam por Lisboa já descobriram estes prazeres...

image.jpg

 

(Próximo fim-de-semana vou apanhar o eléctrico 28...)

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D