Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Reutilizar ou reciclar?

por FS, em 24.05.16

Durante a vida temos de reajustar a nossa relação com outras pessoas e mudá-las de categoria na nossa cabeça.

Há quem passe da pasta dos "convencidos" para a pasta dos "porreiros". Outros que mudam a classificação de "colegas" para a de "chefes".

Há inimigos que, inclusivamente, passam a amigos... Assim como há amizades que azedam e passam a ódios de estimação.

Até algumas paixões foram recicladas em amizades, dadas as vicissitudes da vida.

Mas se há coisa (leia-se, relação) que tenho dificuldade em re-enquadrar na minha cabeça, em reformular, em reajustar a pessoa, é no amor...

Chamem-me o que quiserem, mas é a verdade... Pessoa amada é pessoa amada, ponto final! É completa! E se é completa, parece que a minha cabeça não quer prescindir de nenhuma das vivências passadas... Nega-se a abdicar de qualquer uma das suas vertentes de amiga, companheira, confidente e amante...

E quanto mais intenso, maior a dificuldade..

Pensamento quadrado?... Se calhar... :/

Autoria e outros dados (tags, etc)

Do (teu) sorriso...

por FS, em 21.05.16

Se há algo que me atrai, ao primeiro olhar, numa mulher, é o sorriso... E o teu é de uma sensualidade desmesurada...

E o teu sorriso é sincero, atrevido, contagiante, luminoso, apelativo, caloroso, lindo, gigante, afectuoso, sensual...

O teu sorriso é vida... É a tua vida... O reflexo da tua essência...

Nunca t'o deixes roubar... Nem eu, sequer...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Primavera Marcelista - o remake!

por FS, em 19.05.16

image.jpg

Hoje, à hora do almoço, deparei-me com isto quando fui à urbe. No caso concreto, já era esta localidade conhecida por ser a capital da pêra Rocha (do Oeste) e pelo vinho (algum dele bom) que produz.., não a conhecia tão afectuosa.

E com isto apercebi-me que a onda dos afectos presidenciais está a pegar! E eu por acaso gosto... Gosto dos afectos, da compaixão e de dias solarengos: todos aquecem a alma!

E ainda vou almoçar com mais ânimo, na esperança que a esbelta jovem que trabalha no Santander um dia me surpreenda com os afectos bombarralenses...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Por alguma razão...

por FS, em 19.05.16

Sem Título.png

...existe uma idade para a reforma...

Quem insiste, dá nisto, sejam os carteiristas ou gestores de topo...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Encarnado, festa e glamour...

por FS, em 16.05.16

Ontem ao fim do dia reinou o encarnado e o glamour, muito festejado em Lisboa!... Esperem! Com esta adjectivação, só posso estar a falar dos Globos de Ouro, como é óbvio!

image.jpg

Genial, a co-apresentação de Luís Franco Bastos, que, para meu agrado, passou do mimetismo vocal para uma stand up comedy brutal e hilariantemente acutilante. Sem dúvida, o melhor da noite...

image.jpg

Mais, de resto, nada de interessante se passou ontem à noite pela capital do Império...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Abençoada ignorância...

por FS, em 12.05.16

image.jpeg

A Fernanda não sabia de nada... E mesmo assim, começa a dar tiros nos pés! Não são tiros isolados, são rajadas de metralhadora!

 

Em primeiro lugar, vir com este tempo de antena agora é, na minha opinião, uma péssima ideia. Se ela estivesse calada, ninguém se iria lembrar sequer que tinha sido namorada de Sócrates... Eu também já tive namoradas que preferia não ter tido, e não é por isso que ando a dar esclarecimentos à malta. Muito menos o faria para me demarcar dessa pessoa, e assumir que as acusações são verdadeiras (ou pelo menos dar a entender)... Não fica bem, no meu ponto de vista! É deselegante, to say the least... É cuspir no prato onde se comeu, e no caso da Fernanda, o prato era de alta cozinha...

Por outro lado, não podemos esquecer que a Nandinha era o cão de fila do ex para a imprensa... Um verdadeiro mastim arrogante, que por mais que se argumentasse, não largava a presa. Agora morde ao dono? Está mal... Já se mandaram abater cães por menos...

image.jpeg

Sendo uma profissional da imprensa, a profissão que (ainda bem) cria e defende causas do interesse comum, revelando faro apurado para descobrir trafulhices, esquemas, compadrio e corrupção, estranho que em tantos anos de convivência íntima nunca tenha visto ou ouvido nada de estranho... Não abona nada em relação à sua competência profissional... Nada mesmo...

Ainda assim, Nandinha, obrigado por mais este episódio da novela, que já estava a precisar de mais acção!

Hoje vou ver a CMtv para saborear os podres todos... ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Genial...

por FS, em 11.05.16

image.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Más companhias...

por FS, em 05.05.16

Nem a propósito do bullying do programa "E se fosse consigo?", da SIC, conto-vos uma pequena estória verídica!

A R tem uma colega (muito chatinha e carente de atenção, diga-se em abono da verdade), que, nos apercebemos, no último ano tem sido o alvo preferido de troça e ostracismo por parte dos restantes colegas.

Apercebemo-nos disso pelas referências constantes à personagem C, sempre pela negativa. Como lá em casa não queremos nem vítimas nem praticantes de Bullying, agimos.

PTentámos explicar os porquês e as consequências de se tratar mal os outros. Tentámos chamar a atenção da R que o caminho mais fácil é seguir a carneirada, não aceitar as diferenças e chatear os mais fracos. Difícil, e que infelizmente nem todos conseguem, é aceitar e respeitar as diferenças que existem entre cada um de nós. Não precisamos de nos tornar os melhores amigos, basta respeitar e não humilhar.

E conseguimos passar a mensagem. Aos poucos a R passou a falar da C numa forma mais normal, com relatos de brincadeiras e as inevitáveis zangas próprias da idade, mas tudo um pouco mais normal e salutar.

Ora, do meu ponto de vista, até aqui tudo bem... Concordam?

Pois na segunda-feira a T foi a uma reunião com a professora e, pasme-se, houve o seu seguinte comentário: "atenção, mãe, que a R anda com más companhias... a C!" Posso estar a ser picuinhas, mas há algo de errado nisto, porra! Ora andam uns pais a tentar normalizar as coisas com os filhos, a fazê-los portarem-se de uma forma tolerante com todos, e integradora, e a professora, que devia ser o exemplo, alerta para o "perigo" da má companhia, fomentando uma ideia de que existem "os bons" e "os maus"...

Algo de errado se passa, realmente...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

We, this band of brothers...

por FS, em 04.05.16

Ultimamente ténis é desporto que abunda lá em casa. Não propriamente sob a forma de tranquilas transmissões televisivas do Estoril Open, mas porque a R agarrou-se à modalidade e, para além das 2 aulas semanais, insiste em praticar em casa, mais concretamente, na sala!

Ora, ontem não foi excepção e o barulho seco e ritmado da bola a bater na parede e no chão não parava.

Mas para além da presença da pequena Stefi Graf, tivemos a participação do pequeno John McEnroe, leia-se, o S. A meio da terceira partida do segundo set, o barulho grave de que vos falei foi interrompido por um "ai", seguido de uma série de estalidos e barulhos agudos e cristalinos, não coincidentes com o bater da bola na parede, muito menos no chão.

Calculei que a bola tivesse saído do court em direcção às bancadas... O problema é que as bancadas não têm espectadores, mas sim uma data de elementos decorativos feitos de vários materiais quebráveis e nada à prova de bolas de ténis! Entro pela sala, já alterado, a vociferar:

- R!!!! Quantas vezes te disse para teres cuidado?

E antes que pudesse continuar, uma voz de lado responde-me.

- Pai, não foi a mana... Fui eu. Desculpa.

Inchei! Inchei de orgulho no peito feito às balas, a assumir as responsabilidades e a safar a mana da embrulhada!

- Mas eu é que atirei a bola muito alta para o S, pai...! - diz a R...

E eu fico ali, derretido a olhar para aquela cumplicidade de irmãos... E o que posso eu dizer? Que estou tramado quando forem adolescentes, porque por este andar nenhum se há de "chibar" em relação às asneiras que outro anda a fazer...!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D